terça-feira, 26 de julho de 2011

Memórias da Adolescência (6) - Estudando "numa boa"!

De escolas, já falei em outro texto. Então vou me ater aqui mais ao CIC (Colégio Imaculada Conceição) que passei a frequentar aos 14 anos. Lá fiz o científico para área de tecnologia, hoje equivalente ao segundo grau. 

Foi quando comecei a me rebelar, ou seja, não quis mais ser uma aluna bem comportada. Ensaiei algumas "rebeldias" mas que não deram muito certo, pois continuei a ser vista como estudiosa e bem comportada em sala de aula. Mas, bem que tentei...

http://okylocyclo.blogspot.com/2009/07/solteira-que-curte-funk-e-como-menina.html
Por exemplo, chegava alguns dias atrasada e, imitando outras alunas, pulava o portão (que fechava sempre ao toque de iniciar as aulas). 

Também "passei cola" pra algumas colegas. Lembro de uma vez que o resultado de uma equação matemática era Δ > 0, e no final muita gente já tava escrevendo 470... Lógico que o professor terminou descobrindo a "arte", mas nem pensava que tinha sido eu a autora!

Outra vez, eu e uma amiga (as duas da "turma bem comportada"), participamos de uma confusão que nem lembro o que era e fomos "pra fora de classe". Pra ninguém nos ver, nos escondemos no banheiro por horas... E, pensem num banheiro fedorento!

Com umas colegas, dei umas "fugidas" na hora do recreio pra passear no centro da cidade. Íamos ás Lojas Brasileiras (Lobrás) e comprávamos pitomba na calçada do colégio...

Acho que minhas tentativas de "virar" mal comportada não atingiram bem o objetivo. Fora as contadas, participava das "rodas" das meninas mais danadas, que fumavam e escondiam o cigarro debaixo das saias, por exemplo. Mas, eu era uma atriz coadjuvante e passiva. 

Assim, continuei estudiosa, mas, consegui alguns poucos dias de glória na "onda" da rebeldia!
Na sala co CIC (eu: a 2ª da primeira fila, da esq. p/a direita, cabelos soltos)
...

Ah! Preciso falar de uma temporada em FortalezaEu tinha 17 aninhosUma crise de amigdalite me fez "parar" lá! Essa tal "ite", com febre intensa, fez com que eu perdesse os últimos dois dias do vestibular em Natal.
Fortaleza, anos 70 -  http://sobralemfotos.blogspot.com/2010/05/antiga-avenida-beira-mar-de-fortaleza.html

É uma longa história. Resumindo: eu até fui fazer as provas, mas, com a febre não consegui me concentrar e nem concluir... Minha mãe me culpou dizendo que isso tinha acontecido porque eu tinha ido pro "reveillon" e por isso adoeci! Logo em seguida, fiz a cirurgia das amígdalas.


Pra não perder o ano, meu pai me mandou pra Fortaleza (ele tinha se formado lá e portanto tinha vários amigos). Mas, do jeito que ele me mandou, fez o possível pra eu voltar depressa! E eu que tava adorando a nova vida, com novas amigas, festinhas diferentes e uma "adentrada" ao rock... (Além, claro dos forrós, pois estamos falando em Fortaleza, mesmo há tempos atrás! Embora, eu nunca tenha tido grandes paixões pelo forró, mas... tudo era festa!)


Depois de seis meses, voltei! Voltei com vários LPs de rock, que até hoje meus irmãos falam neles. Alice Cooper, Pink Floyd, Led Zeppelin, Yes, e de quebra um disco de Band on the Run de Paul !

Os rocks mais pesados foram conhecidos escutando no caminho pra universidade, numas caronas de um cara muito doido, mas "boa gente", num karmann ghia.. Eu e uma menina bem séria e estudiosa como eu, que não combinávamos com esse estilo, de repente estávamos a curtir o som! 
Falando em músicas, Fortaleza também me apresentou a Billy Paul em uma boate bárbara chamada Barbarella (acho)!  
(Ver Billy Paul - Your Song em http://www.youtube.com/watch?v=Se4OOKqAiJM)

...

Sons à parte, voltando aos estudos, eu tenho sempre dito que eu era estudiosa.. Pensando bem, nem sei se era tanto. Eu era mais uma aprendiz auto-didata, pois não conseguia prestar muita atenção às aulas. De repente me pegava pensando em outras coisas, em outros mundos... 


Se a aula fosse espetacular, como dizia meu pai, aí sim, eu tava lá atenta. Mas, a maioria não era nunca lá essas coisas todas. Então, sobrava pra eu ler sozinha em casa. Mas, eu tinha a mania de deixar as coisas pra última hora, e, muitas vezes acordava de madrugada no dia das provas pra estudar.. Enfim, como ninguém sabia desses detalhes e eu estava  sempre entre as primeiras, tinha essa fama... Como diz o ditado "cria fama e deita-te na cama"!

http://silviakochen.wordpress.com/2011/06/09/sobre-a-boa-educacao/estudando/
... 

Ia esquecendo de contar uma das minhas maluquices... Na escolha do curso de graduação terminei optando por Engenharia Civil. Mas, eu queria mesmo era fazer Engenharia Mecânica. O motivo? Queria trabalhar na fórmula 1! Era só o que faltava! Mas, em Natal não existia ainda Mecânica, daí optei por Civil O motivo? Queria construir estradas. No fim das contas, eu queria aventuras! Mas, ao me deparar com a disciplina, me decepcionei. Mudei tudo e virei uma engenheira de produção!

http://www.cartuningrevolution.com/blog/index.php/category/formula-1/
Em todos esses anos de estudos, eu também me divertia Tudo ainda era uma brincadeira, mas levada a sério (pode? pôde!)... Nunca tive preocupações com o futuro, se ia ou não conseguir emprego ou coisas do gênero! Vivi meu presente de adolescente intensa e divertidamente!

E "entrou por uma perna de pinto, saiu pela perna de pato, rei senhor mandou dizer que contasse até quatro...".











4 comentários:

  1. Maria Lígia ( Mara)29 de julho de 2011 10:10

    Pois é, ainda bem que essa coisa de Fortaleza durou pouco tempo, e tirou essa coisa de PInk Floyd e rock pauleira de sua cabeça. Cearense e rockeira, ainda por cima, viche!!!! longe de mim!!!! Isso não combinava com o estilo de suas amigas de Natalenses.

    ResponderExcluir
  2. Mara engraçadinha! kkkkk! Mas veja as outras músicas!!! E o rock tb era muito bom, de 1ª! hehehe!

    ResponderExcluir
  3. Maria Lígia ( Mara)29 de julho de 2011 10:35

    Filha minha!!!!! Deus me livre de rock pauleira!!!! Nem as outras!!!! Esse estilo não esta nas minhas coletânias!!! rsrsrs!!!

    ResponderExcluir
  4. Menina vc não viu que tem Billy Paul e Paul McCartney? ah, e viu as do texto 7? quero ver se não gosta daquelas hehehe! No veraneio... Eram as músicas das festinhas do América tb!!!

    ResponderExcluir